(In)dependente - Pensamento do Dia 17#


Era um dia como todos os outros, entrei no carro, dirigi até ao emprego, trabalhei, sai, foi para casa, fiz o jantar, vi um filme e foi dormir. Nada estava diferente, excepto a sensação  de estar a ser sufocada, estava tão sufocada... Estava tão farta... Estava... dependente daquela vida. Não podia ser... Não podia continuar assim, eu tinha sonhos, como viajar, pegar no carro e dirigir para longe...
Levantei-me decidida, peguei numa mala e coloquei tudo o que vinha a mão, camisolas, calças, roupa interior, sapatos e um necessaire com tudo o que precisava para cuidados de higiene, peguei na minha carteira com documentos e escrevi um bilhete apressado para a minha mãe, não se preocupar quando ela fosse me visitar. Sai de casa e peguei no carro, era altura de ir, pensei sorrindo. 
(Provável inicio de um conto meu, mais para a frente)
Patrícia Ferreira

Comentários

  1. Respostas
    1. é complicado Fiacha, tenho 5 contos os meus próprios livros para acabar e o meu trabalho, tem sido complicado porque não paro

      Eliminar
    2. Ois,

      lol o melhor é fazeres uma coisa de cada vez e acima de tudo que te dê prazer fazer, o mais importante ;)

      Bjs

      Eliminar
    3. Impossível parar lol quando se tem boas ideias

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares