Uprising, opinião - Day-By-Day 6#

Encontrei está autora na Wattpad e decidi critica-la, porque ela conseguiu o impossível, ora aqui está:



sinopse: Num futuro não muito distante, uma nova estirpe viral ameaça exterminar a espécie humana da Terra. O estado máximo de alerta pandémico obriga ao êxodo das grandes cidades. Em Los Angeles, um grupo de amigos tenta ignorar o pânico geral da população, culpando os media pelo sensacionalismo. Jake Brody já vira coisas mais assustadoras do que uma simples doença. Já vira muitas pessoas morrerem sem poder evitar, já salvara outras tantas. E é por isso que não consegue ignorar o apelo daquela rapariga misteriosa prostrada no alcatrão. Ela parecia tão inocente, tão frágil. Tudo o que ele tinha que fazer era descobrir quem ela era, de onde vinha e porque tinha um medo tão irracional de sair daquela cidade. Depois levá-la-ia em segurança para casa e a sua vida continuaria igual. Não era?

Opinião:

Adoro o Liam, a Ella, a Nora, a Hill, o Jace mas eu as vezes também amo as personagens que outros autores me proporcionam, uma das personagens é Kim.

Para começar o enredo muito bem explicado, o drama atinge de uma maneira que faz uma pessoa suster a respiração, mas o melhor é o facto de não ter escapado nada a autora, desde geografia, a factos científicos e históricos, chega a uma pessoa entrar no drama e viver as emoções das personagens.

A melhor personagem na história é Kim que tem um fator importante na história o que psicologicamente se chama a tábua rasa, ou seja, amnésia, ela não tem qualquer memória da sua antiga vida quando é encontrada por Jake. Outra personagem que eu também amo é Rachel que me faz tanto lembrar da escritora, já tive a honra de falar com ela e consigo associar Rachel a Martafz, posso estar enganada mas verdade seja dita quando escrevemos colocamos um pouco de nós próprios nas histórias. O facto de a história ser rotativa (ou seja, vista na perspetiva de várias personagens),  ter os flashbacks e ter o contínua linha de mistério faz com que a história nunca perca interesse.

Martafz proporciona um mundo bastante apocalíptico, bastante realista e que nos prende por completo e de se chegar a casa pegarmos num bocado de chocolate e café e devorar por completo a história. E o melhor de tudo é que a história ainda não acabou... by the way quando acabar darei também a minha opinião aqui...

Comentários

Mensagens populares