This Savage Song de V. E. Schwab - Opinião Sem Spoilers

By Patricia Ferreira - julho 11, 2018


There’s no such thing as safe in a city at war, a city overrun with monsters. In this dark urban fantasy from author Victoria Schwab, a young woman and a young man must choose whether to become heroes or villains—and friends or enemies—with the future of their home at stake. The first of two books.
Kate Harker and August Flynn are the heirs to a divided city—a city where the violence has begun to breed actual monsters. All Kate wants is to be as ruthless as her father, who lets the monsters roam free and makes the humans pay for his protection. All August wants is to be human, as good-hearted as his own father, to play a bigger role in protecting the innocent—but he’s one of the monsters. One who can steal a soul with a simple strain of music. When the chance arises to keep an eye on Kate, who’s just been kicked out of her sixth boarding school and returned home, August jumps at it. But Kate discovers August’s secret, and after a failed assassination attempt the pair must flee for their lives.

Ratting 4.5

Eu estou completamente... inquestionavelmente... fã da Victoria Schwab. Eu nunca pensei que fosse possível que Strange The Dreamer fosse derrubado e ele foi... ou melhor está agora com companheiros, que são todos os livros da Victoria Schwab. Este ano eu li a trilogia de Darker Shade of Magic e adorei, mas quando foi seleccionado o livro This Savage Song para o Clube de Leituras fiquei um pouco receosa, porque estou habituada que quando leio o primeiro livro de um autor e adoro, o segundo que leio vai me deixar desapontada. Mas... graças aos deuses da literatura, eu amei o livro! 

Está historia fala de duas personagens muito diferentes uma das outras, uma sendo um rapaz chamado August que é amado por uma família e muito protegido apesar de ser capaz de proteger a cidade dos seus monstros. E temos Kate Haker uma rapariga que quer ser reconhecida pelo seu pai, um magnata que tem controlo sobre esses monstros. São duas personagens com duas personalidades completamente diferentes uma das outras e que podem mesmo chocar. 

Agora o inicio infelizmente foi um pouco confusa, ficava muito perdida com os nomes dos monstros e do que poderiam significar devido a isso, fez me ficar um pouco a parte na historia, no entanto, no verse 2, a historia começou a melhorar e comecei a adorar as personagens. E a historia entre as duas personagens principais foi do género, Bela e o Monstro mas ao contrario. E eu fiquei yes!!! 

Kate é uma personagem bastante egoísta, sempre a procura de algo que possa provar ao seu pai que é digna da sua herança, o que faz com ela faça coisas questionáveis que faz com que os leitores questionem sobre a personagem. E devido a maneira como ela regue parece que ela tem Bipolaridade. No inicio, sinceramente eu queria dar uma coça a miúda. Mas quando o verse 3 começa, é impossível não admirar Kate, 
August é uma personagem que sinceramente faz me pensar em gatos, ele é super fofo e só quer bem com as pessoas, o que mais o preocupa é tocar a sua vida e ajudar as pessoas a sua volta, ele tenta ao máximo ser uma pessoa simples e dar-se bem com todos, mas quando é mandado para a escola para espiar Kate nunca esperou encontrar alguém como Kate. 

Em relação a historia em si, havia personagens que me faziam questionar sobre a historia que iria se desenrolar, mas nunca esperei, o desfecho e a historia que Victoria escreveu, do inicio ao fim, houvesse sempre alguém que me fizesse questionador sobre o seguimento da historia, e o final foi completamente inesperado. Eu normalmente consigo prever alguma coisa, mas o final oh jesus... 

O mudo que a Victoria criou, apesar de ser difícil de imaginar deixa-me completamente assustada com as criaturas que existem naquele mundo, e as perguntas que ficam para serem respondidas... ai o meu coração nem aguenta! 

E o epilogo, oh meu deus... eu tenho que ler o segundo, deixou um cliff hanger enorme... Já leste este livro?


  • Share:

You Might Also Like

0 Comments